H3N2: Maruim confirma primeiro caso da influenza

A Prefeitura de Maruim confirmou, nesta terça–feira (04), o primeiro caso do vírus da influenza H3N2 na cidade. O paciente de 26 anos se encontra bem, segundo a Secretaria de Saúde.

Pelo fato de o influenza ser um vírus respiratório, assim como o que causa a Covid-19, a prevenção contra ele ocorre da mesma forma, ou seja, com distanciamento físico entre as pessoas, uso de máscara e higiene das mãos.

Sintomas

Alguns sintomas do H3N2 podem ser confundidos, inicialmente, com uma gripe comum, porém, pacientes relatam que tiveram reações piores do que quando contraíram a Covid-19, como espirros, tosse, coriza, calafrio, cansaço excessivo, náuseas e vômitos, diarreia (mais frequente em crianças), e moleza.

Incubação

O período de incubação do vírus H3N2 é de 3 a 5 dias, quando começa a manifestação dos sintomas.

Porém, também é possível que uma pessoa tenha a doença de uma forma assintomática, sem apresentar nenhuma reação.

Durante o período de incubação ou em casos de infecções assintomáticas, o paciente também pode transmitir a doença.

O período de transmissão do vírus em crianças é de até 14 dias, enquanto nos adultos é de até 7 dias.

A doença pode começar a ser transmitida até um dia antes do início do surgimento dos sintomas.

O período de maior risco de contágio é quando há sintomas, sobretudo febre.

Recomendação

As pessoas que apresentarem sintomas gripais deverão procurar atendimento médico no Hospital de Maruim ou uma Unidade Básica de Saúde, mais próxima de sua residência.

Da Redação | Maruim em Pauta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s