Suspeito de sequestrar motorista de aplicativo morre em confronto

Um homem suspeito de ter participado do sequestro de um motorista de aplicativo acabou morto em confronto com policiais do 5º Batalhão de Polícia Militar no último sábado, 22, segundo informou a Secretaria de Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE). Identificado como ‘Lucas’, o suspeito estava na companhia de outras três pessoas: um comparsa, que acabou fugindo, e duas mulheres que foram presas pelos policiais.

A ocorrência foi iniciada no município de Nossa Senhora do Socorro. No conjunto João Alves, um condutor de veículo de aplicativo foi solicitado para uma viagem à cidade de Divina Pastora. Os três passageiros estavam armados com arma de fogo e anunciaram o sequestro. Em seguida, tiraram o motorista da direção, colocaram ele no interior veículo e seguiram para a cidade de Estância, onde pretendiam assassinar um desafeto.

Como não obtiveram êxito, retornaram para o conjunto João Alves, onde deixaram um dos indivíduos. Em seguida, na altura da Rodovia das Indústrias, em Socorro, liberaram a vítima, e seguiram em direção à BR-101. O motorista foi encontrado pelas equipes da Força Tática do 5° Batalhão da Polícia Militar (5° BPM), e imediatamente os policiais seguiram à cidade de Divina Pastora, para onde os indivíduos comentaram que seguiriam.

Durante as rondas, no trajeto os policiais avistaram o veículo roubado e deram ordem de parada. Nesse momento, os indivíduos atiraram contra a guarnição e na sequência, mesmo com o carro em deslocamento, saltaram do carro e seguiram em fuga por um terreno baldio. Os policiais iniciaram as buscas e localizaram os dois indivíduos escondidos no interior de um quintal, onde os mesmos, no intuito de fugir, dispararam novamente contra a guarnição, que imediatamente realizou o revide.

Nesse momento o suspeito identificado como Lucas foi alvejado e socorrido pelos policiais, sendo encaminhado ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse), mas não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito. O outro envolvido, conhecido por “Deivison”, conseguiu fugir. No interior do veículo haviam duas mulheres, que a princípio se passaram por vítimas, mas logo em seguida confessaram que eram amigas dos indivíduos. Diante dos fatos narrados, todos os envolvidos foram conduzidos à Delegacia Plantonista para serem tomadas as medidas cabíveis.

Com informações da SSP/SE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s