A sanfona desta vez parou… Uma homenagem a Seu Jorge | Por Joelma Martins

A SANFONA DESTA VEZ PAROU…. UMA HOMENAGEM A SEU JORGE!!!

Os dedos que a tocavam,

Agora não tocam mais,

Ele agora estar a dormir,

No embalo alegre de suas teclas

Que a tanta gente alegrou.

Contemplas agora o infinito,

Não podemos ouvir seu grito

O céu enfim o elevou,

Porém ainda restou,

O eco, a voz, o baião,

Que fazia no nosso São João

Seu riso, sua alegria encontrar.

Seu Jorge lá da Favela!

Com sua sanfona bela,

Fez Maruim parar…

Fez a sua ausência… chorar…

Fez a saudade apertar…

Fez a Cultura calar….

Ao ver mais um dos seus filhos partir.

Para um novo céu encontrar

Para com os anjos cantar

Um canto de paz e amor.

O forró perdeu seu encanto

Seu acordeão emudeceu

Por que o mundo amanheceu

A chorar enorme pranto.

 Adeus Jorge! Seu Jorge! Jorge Sanfoneiro e

Também caminhoneiro que sua história veio

Cumprir.

Que bem juntinho do Pai, voltarás de novo a sorrir.

Joelma Martins é Licenciada em Letras Português (UNIT) e Bacharel em Biblioteconomia e Documentação (UFS). Pós-Graduada em Didática do Ensino Superior e Gestão Educacional. Escritora, Cordelista, Poetisa e Imortal na Acadêmica Maruinense de Letras e Artes, ocupa a cadeira Nº 8, cujo a patrona é Josilda de Mello Dantas. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s