IBGE estima que 7,14 % dos domicílios maruinenses estejam em aglomerados

Maruim, (SE), possui 358 domicílios em aglomerados subnormais, o que representa 7,14 % dos mais de 5.000 domicílios em toda a cidade. Isto é o que mostra a estimativa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, (IBGE), na última terça-feira (19).

O IBGE classifica como aglomerado subnormal ocupação irregular de terrenos de propriedade alheia (tanto pública, quanto privada) para fins de habitação, caracterizado por um padrão urbanístico irregular, carência de serviços públicos essenciais e localização em áreas que apresentam restrições à ocupação. 

Comunidade São Vicente, Maruim | Foto — Arquivo

São conhecidos por diversos nomes:  favela, invasão, grota, baixada, comunidade, mocambo, palafita, loteamento, ressaca, vila e entre outros. Os dados fazem parte de um levantamento realizado em 2019, como mapeamento preliminar para o Censo Demográfico 2020, que, por conta da pandemia da Covid-19, teve que ser adiado para 2021.

A pesquisa também mostrou que, para quem está em aglomerados subnormais localizados em Maruim, o estabelecimento de saúde com suporte de observação e internação mais próximo está a 7,5 km, na cidade de Rosário do Catete, (SE).

Entre as capitais do país, Aracaju está entre as três com menores percentuais de domicílios em aglomerados subnormais (15,8%), seguidas, em ordem decrescente, de Natal (13,0%) e João Pessoa (12,5%).

No Nordeste, Salvador aparece como a capital com maior proporção (41,8%), onde 4 a cada 10 unidades estão nessas áreas.

Já a Grande Aracaju concentra 92,8% dos domicílios em aglomerados subnormais de Sergipe. São, 49,3 mil unidades, das quais mais da metade está na capital (33.187) e o restante distribuído entre os municípios de Nossa Senhora do Socorro (10.845), São Cristóvão (3.240) e Barra dos Coqueiros (1.462).

No interior do estado, o município com maior número de domicílios nessa condição é Laranjeiras (929 domicílios). Em seguida, vem Lagarto (765) e Estância (727).

Da Redação | Maruim em Pauta, com IBGE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s