Covid-19: Toque de recolher inicia com resistência de alguns moradores em Maruim

Com suporte da Guarda Municipal e da Polícia Militar, a primeira noite do toque de recolher, em Maruim, (SE), neste sábado, (16), iniciou com resistência por parte de alguns moradores em diversos bairros da cidade. Por volta das 22h, um comboio com os civis e miliares percorreu as ruas de Maruim com sirenes ligadas, avisando à população, que já estava na hora do recolhimento em massa.

Foto — Reprodução | Redes sociais

O toque de recolher é uma das medidas, até agora, mais rígidas do prefeito Jeferson Santana, (MDB), para combater o avanço da pandemia do novo coronavírus na cidade que possui 12 pessoas infectadas pela doença.

No decreto de Nº 11/2020, o medebista, proíbe que os moradores de Maruim saiam às ruas entre 22h e 4h e determina outras medidas, VEJA AQUI.

Em vídeos que circularam nas redes sociais, foi possível ver várias pessoas aglomeradas nas portas das residências. Enquanto o comboio passava, algumas chegaram a se levantar para entrar para dentro das suas casas, outras foram resistentes, chegaram a ofender a atuação dos civis e militares.

Em nota, divulgada noite deste sábado, a Prefeitura de Maruim, alertou sobre os atos de Infração às medidas sanitárias preventivas, asseguradas na Lei 2.848 / 1940, do Código Penal.

Art. 268 – Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa

Pena – detenção, de um mês a um ano, e multa.

Paragrafo único – A pena é aumentada de um terço, se o agente é funcionário da saúde pública ou exerce a profissão de médico, farmacêutico, dentista ou enfermeiro“, publicou.

Sobre o toque de recolher

Em caso de descumprimento do toque de recolher, a primeira abordagem consistirá em advertência verbal, podendo a autoridade competente fazer o registro através de fotografia.

No caso de menores de idade, o cumprimento do toque de recolher será de responsabilidade dos pais ou tutor legal.

Em caso do reincidência, a autoridade municipal emitirá relatório, que será encaminhado à autoridade policial, para fins de apuração de prática de crimes de desobediência e contra à saúde pública, previstos no Código Penal.

Por Lohan Muller | Jornalista DRT 2391/SE

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s