MPT ouve maruinenses que viviam em situação de escravidão em São Paulo

Nesta sexta-feira (13), os procuradores do Ministério Público do Trabalho (MPT) ouviram o depoimento dos maruinenses que viveram em situação de escravidão em um laranjal no interior de São Paulo.

O caso, exibido nos programas jornalísticos da TV Atalaia, registra trabalhadores que saíram do município de Maruim com destino a Avaí-SP com a promessa de emprego em uma fazenda para colher laranjas. Além do salário, ficou acordado que os sergipanos também iriam receber cesta básica, moradia, assistência médica e odontológica. Porém, nada disso foi feito. No último domingo (8), os trabalhadores conseguiram retornar para Maruim.

No MPT, os jovens contaram o que aconteceu durante os dias que passaram trabalhando no laranjal.

A equipe de reportagem da TV Atalaia acompanhou a ida até o órgão, confira o que ocorreu no programa Balanço Geral Sergipe desta sexta:

Do A8SE

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s